Sobre

Um breve resumo

Bem-vindo ao Bairral, um centro de vanguarda e excelência em Psiquiatria, Psicogeriatria e um polo irradiador de conhecimento em Saúde Mental, respeitado internacionalmente. A instituição que quebrou os paradígmas do tratamento psiquiátrico convencional, criando, na década de 60, o sistema TPDS, de seleção e tratamento de pacientes respeitando seu perfil diagnóstico, valorizando o paciente e impulsionando o tratamento para além da eliminação dos sintomas, em direção à promoção da vida, das relações e potencialidades das pessoas. No Bairral, o paciente é acolhido em clínicas com estrutura, equipes e projetos terapêuticos específicos a seus sintomas, o que permite a formação de grupos homogêneos, excluindo completamente a possibilidade de convivência entre pacientes que nada têm em comum, assegurando grandes avanços ao tratamento. As clínicas estão localizadas em um jardim botânico que se estende por 400 mil metros quadrados de muito ver, criando um importante espaço físico - talvez único no mundo em proporção e exuberância -, fundamental para assegurar, o equlíbrio e oferecer mais qualidade de vida ao paciente.
----

As diferenças existentes entre uma associação civil e uma fundação decorrem da natureza jurídica dessas entidades. Dois traços essenciais podem ser destacados como fatores distintivos: Por determinação da lei civil, as fundações são obrigatoriamente fiscalizadas por representes do Ministério Público das comarcas em que estão sediadas: Além de serem geridas por um Conselho Diretor, as fundações possuem um Conselho Curador, destinado a dar segurança e estabilidade às atividades da instituição. No caso específico da Fundação Espírita “Américo Bairral”, entre outras relevantes atribuições, compete ao seu Conselho Curador eleger o Conselho Diretor e o Conselho Fiscal da entidade, deliberar sobre o orçamento anual e acompanhar sua execução, além de decidir os casos omissos no estatuto. Trata-se, como é evidente, de funções sumamente importantes para os destinos da entidade, supervisionada, em seus vários aspectos, pelo Conselho Curador. Tem a denominação estatutária de Conselho Diretor o segundo órgão administrativo da Fundação. A ele incumbe fazer cumprir o estatuto, as resoluções do Conselho Curador e suas próprias deliberações, além de administrar os recursos e o patrimônio da entidade. Composto de seis integrantes, com mandato de três anos, este colegiado é semelhante às diretorias das entidades filantrópicas em geral. Ficam a seu cargo tarefas administrativas mais diretas e imediatas do que aquelas reservadas ao Conselho Curador. Os problemas surgidos no dia-a-dia da instituição, a supervisão do trabalho dos administradores hospitalares e o relacionamento com a Direção Técnica do hospital são tarefas cotidianamente desenvolvidas pelos diretores do Instituto Bairral. É importante registrar que os integrantes dos Conselhos Curador, Diretor e Fiscal da entidade são voluntários que nada recebem por seu trabalho. Graças a essa circunstância, e ao fato de que todo o superávit do hospital é totalmente reinvestido na obra, a Fundação tem progredido permanentemente, apesar das dificuldades notórias do setor de saúde em nosso País. De todas as matérias que dizem respeito a uma fundação e obrigatoriamente constam de seus estatutos, nenhuma supera em importância os fins da instituição. Trata-se de um ponto nuclear, que define o perfil da entidade e é juridicamente intocável. Por esse motivo, reproduzimos abaixo o dispositivo estatutário que estabelece as finalidades da FEAB.
Art. 2º: “A Fundação, de fins científicos e filantrópicos, não terá finalidade lucrativa, e objetivará:
a) O tratamento de doenças psiquiátricas, neurológicas, síndromes neuropsiquiátricas, dependência química e distúrbios do comportamento;
b) O ensino, estudos e pesquisas no domínio da Psiquiatria e especialidades afins;
c) A promoção de cursos de pós-graduação, formação e aperfeiçoamento no setor de sua especialidade;
d) Prestar auxílio, exceto em dinheiro, às outras entidades filantrópicas locais carentes de recursos, na medida das possibilidades da Fundação.”
Eis, em rápido resumo, as noções básicas a respeito da Fundação Espírita “Américo Bairral”, de Itapira.