Psicofobia chega aos meios de comunicação

8 anos atrás - Notícias

A discussão sobre o preconceito contra os doentes mentais finalmente chega aos meios de comunicação

No último domingo (23/6), o jornal O GLOBO publicou no primeiro caderno artigo assinado pelo presidente da Associação Brasileira de Psiquiatria (ABP), Antônio Geraldo da Silva, sobre psicofobia, que é o medo, preconceito ou discriminação contra os doentes mentais.

O espaço reservado por um dos maiores jornais do País mostra a importância que o tema tem nos dias atuais e como influencia a nossa sociedade. Afinal, segundo dados do Ministério da Saúde, pelo menos 46 milhões de brasileiros têm problemas mentais – 25% da população. Dado alarmante que precisa de análise e comprometimento das autoridades, médicos e entidades para promover uma política de saúde pública eficiente.

A ABP começou o trabalho contra o preconceito há mais de um ano, quando do lançamento da campanha Sociedade contra o Preconceito, durante o XXIX Congresso Brasileiro de Psiquiatria, realizado em novembro passado no Rio de Janeiro.

Personalidades como Cássia Kiss e Chico Anysio (in memoriam) aderiram à causa.

O grande humorista deixou a piada de lado ao externar uma opinião que sensibilizou a todos que assistiram ao depoimento gravado: ‘preconceito contra o doente mental é crime’.

O projeto Sociedade contra o Preconceito saiu do papel e das discussões científicas e está ganhando as ruas e os noticiários. A ABP quer disseminar a ideia e unir todos contra um dos grandes crimes – ainda impune – que é a psicofobia. “Somente juntos poderemos desmistificar e acabar de vez com o que é dito e pensado de forma errônea sobre os portadores de transtornos e deficiências mentais”, argumenta Antônio Geraldo.