Bastidores: ETA – Estação de Tratamento de Água

10 anos atrás - Bastidores

Pensando em sua autonomia, o Instituto Bairral, construiu uma Estação de Tratamento de Água que o abastece com 300 m³ de água tratada por dia. Também dispõe de dois poços semi-artesianos que são acionados quando necessário.

A equipe do setor é integrada por dois operadores, pelo coordenador da manutenção Claudiomir Luppi e pela farmacêutica Josi Aparecida Sartorelli Miranda de Araújo, que é a responsável técnica.

A água é captada do Córrego Santa Bárbara e bombeada até a estação de tratamento, onde é tratada, clorada e distribuída para todos os setores do hospital. As análises de potabilidade são realizadas por laboratório contratado e ocorrem segundo as normas da Portaria 518/04 do Ministério da Saúde. Semanalmente são amostrados a saída do tratamento e três pontos da rede de distribuição. Semestralmente é realizada a análise completa prevista na referida Portaria, para verificação de qualquer contaminação, tanto de ordem química quanto biológica, que possa ocorrer. Também a água do balneário é analisada mensalmente.

O resultado das análises do mês é distribuído pelos vários setores do hospital e, tendo presente a preocupação com a preservação do meio ambiente, junto ao relatório é anexado um lembrete de incentivo à economia no consumo da água.

Bairra ETA

Água chegando à estação e recebendo PAC (Policloreto de Aluminio) – coagulante

Tanque de decantação

Tanque de decantação

Filtros

Filtros